Você gosta de IMAGENS HISTÓRICAS? Experimente o Facebook @capsulahistorica, ou o blog: www.FOTONAHISTORIA.blogspot.com

MORTE DE RUBIN CARTER (HURRICANE)


NOME: Rubin "Hurricane" Carter (76 anos) 
QUEM FOI: Boxeador peso médio norte-americano no período entre 1961 e 1966, conhecido por travar uma longa disputa judicial após ser preso por assassinato. Hurricane foi surpreendido pela polícia quando andava de carro com amigos, sendo preso por um crime do qual anos mais tarde seria inocentado. Na prisão, viu sua carreira de boxeador ir por água abaixo, sendo que era o favorito ao cinturão de pesos médios no ano de 1966, aos 29 anos de idade. Junto com seu amigo John Artis, foi condenado pelo homicídio de três pessoas em um bar da cidade. Duas testemunhas do crime confirmaram os dois como os autores do triplo assassinato (porém há suspeita de perseguição racial). Artis passou 15 anos na cadeia antes de obter sua liberdade. Rubin Carter ficou preso até 1985, quando foi solto graças à retirada do processo e à anulação da pena. Quase trinta anos depois, em 1993, recebeu o Cinturão de Campeão de Pesos Médios de Boxe, algo nunca concedido a um ex-lutador. O episódio foi eternizado na música Hurricane, de Bob Dylan. Também há um filme sobre sua vida chamado The Hurricane, protagonizado por Denzel Washington, numa antológica versão adaptada ao cinema. 
NASCIMENTO: 6 de maio de 1937 - Nova Jersey, EUA. 
MORTE: 20 de abril de 2014 - Toronto, Canadá. 
CAUSA DA MORTE: Câncer de próstata. 
OBS: Talentoso em cima do ringue, Carter colecionou 27 vitórias (dezenove por nocaute) em 40 lutas na categoria dos peso-médio. Desde sua libertação, em 1985, ele organizou diversas campanhas contra o preconceito. Com o auxílio do amigo John Artis, Carter fundou, em Toronto, a Innocence International, organização sem fins lucrativos dedicada ao apoio a presos inocentes. Enquanto esteve preso, o próprio atleta escreveu o livro O 16º Round, no qual narrou sua trajetória dentro e fora dos ringues.

Nenhum comentário: