Você gosta de IMAGENS HISTÓRICAS? Experimente o Facebook @capsulahistorica, ou o blog: www.FOTONAHISTORIA.blogspot.com

MORTE DE PHILIPP MAINLÄNDER


NOME: Philipp Batz (34 anos) 
QUEM FOI: Filósofo e poeta alemão. Nascido como Philipp Batz, ele mais tarde alterou o seu nome para Mainländer como homenagem a sua cidade natal Offenbach am Main. Pessimista radical, Mainländer disse que o princípio do tempo correspondia a morte de Deus e da espiritualidade. Apoiou a virgindade e o suicídio como meios para minimizar a criação de vida e novos sofrimentos. Na sua obra principal Die Philosophie der Erlösung (A Filosofia da Redenção) — de acordo com Theodor Lessing “talvez o mais radical sistema de pessimismo conhecido da literatura filosófica” — Mainländer proclama que a vida é absolutamente sem valor, e que “a vontade, inflamada pelo conhecimento que o não-ser é melhor que o ser, é o princípio supremo da moralidade”. 
NASCIMENTO: 5 de outubro de 1841 - Offenbach, Alemanha. 
MORTE: 1 de abril de 1876 - Offenbach, Alemanha. 
CAUSA DA MORTE: Suicídio (enforcado). 
OBS: No final de sua vida, descendo para megalomania e acreditando ser um messias da social democracia, na noite de 1 de abril de 1876, Mainländer se enforcou em sua residência em Offenbach, utilizando uma pilha de cópias da sua obra A Filosofia da Redenção (que havia chegado da editora um dia antes) como plataforma. Ele tinha trinta e quatro anos de idade.

Nenhum comentário: