MORTE DE RUDOLF HESS


NOME: Rudolf Walter Richard Hess (93 anos) 
QUEM FOI: político de destaque da Alemanha Nazista. Nomeado Delegado do Führer por Adolf Hitler em 1933, prestou serviço neste cargo até 1941, quando viajou de avião, sozinho, para a Escócia, numa tentativa de negociar a paz com o Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial. Foi detido e, posteriormente, julgado por crimes de guerra, sendo condenado a prisão perpétua. 
NASCIMENTO: 26 de abril de 1894 - Alexandria, Egito. 
MORTE: 17 de agosto de 1987 - Berlim, Alemanha. 
CAUSA DA MORTE: Suicídio (enforcamento). 
OBS: Hess, com 93 anos de idade, numa casa de Verão que tinha sido construída no jardim da prisão para servir de espaço para leitura. Ele tirou um fio de uma las lâmpadas, prendeu-o a uma das janelas e enforcou-se. Num dos seus bolsos, Hess deixou uma pequena mensagem à sua família a agradecer-lhes por tudo o que fizeram. As quatro potências emitiram uma declaração a 17 de Setembro com a confirmação so suicídio. Sepultado, inicialmente, em local secreto para evitar as atenções dos meios de comunicação ou as demonstrações de simpatizantes nazis, Hess voltou a ser enterrado num local pertencente à família em Wunsiedel, em 17 de Março de 1988, e a sua esposa foi sepultada a seu lado quando morreu em 1995. A Prisão de Spandau foi demolida para evitar que se tornasse num local de culto neo-nazi

Nenhum comentário: