MORTE DE PRINCESA ISABEL


NOME: Isabel Cristina Leopoldina Augusta Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Bragança e Bourbon d Orléans (75 anos) QUEM FOI: Apelidada de "a Redentora", foi a segunda filha, a primeira menina, do imperador Pedro II do Brasil e sua esposa a imperatriz Teresa Cristina das Duas Sicílias. Como a herdeira presuntiva do Império do Brasil, ela recebeu o título de Princesa Imperial. A morte de seus dois irmãos homens a fez a herdeira de Pedro. A própria personalidade de Isabel a distanciou da política e de quaisquer confrontos com seu pai, ficando satisfeita com uma vida calma e doméstica. Além disso, apesar da sua educação ter sido bem ampla, ela jamais foi preparada para assumir o trono. Isabel se casou em 1864 com o príncipe francês Gastão, Conde d'Eu, com quem teve três filhos: Pedro de Alcântara, Luís e Antônio. 
NASCIMENTO: 29 de julho de 1846 - Rio de Janeiro, Brasil. 
MORTE: 14 de novembro de 1921 - Castelo d'Eu, França. 
CAUSA DA MORTE: Causas Naturais. 
OBS: Com a proclamação da República, em 1889, a família real deixou o Brasil para se exilar na Europa. A princesa Isabel viveu os seus últimos dias em Paris, com grandes dificuldades de locomoção no final de sua vida. Morreu de causas naturais Em 6 de julho de 1953 seu corpo foi trazido para o Mausoléu Imperial na Catedral de Petrópolis.

Nenhum comentário: