Você gosta de IMAGENS HISTÓRICAS? Experimente o Facebook @capsulahistorica, ou o blog: www.FOTONAHISTORIA.blogspot.com

MORTE DE LUÍS GAMA


NOME: Luís Gonzaga Pinto da Gama (52 anos) 
QUEM FOI: Rábula, orador, jornalista e escritor brasileiro. Nascido de mãe negra livre e pai branco, foi contudo feito escravo aos 10 anos, e permaneceu analfabeto até os 17 anos de idade. Conquistou judicialmente a própria liberdade e passou a atuar na advocacia em prol dos cativos, sendo já aos 29 anos autor consagrado e considerado "o maior abolicionista do Brasil". Foi um dos raros intelectuais negros no Brasil escravocrata do século XIX, o único autodidata e o único a ter passado pela experiência do cativeiro; pautou sua vida na defesa da liberdade e da república, ativo opositor da monarquia. 
NASCIMENTO: 21 de junho de 1830 - Salvador, BA, Brasil. 
MORTE: 24 de agosto de 1882 - São Paulo, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Complicações da diabetes. 
OBS: A morte de Luís Gama foi atestada pelo Dr. Jaime Perna. Seu corpo, já no caixão, ficou na sala da frente enquanto seu rosto servia de molde para um escultor fazer sua máscara mortuária. Antes de fechar o caixão, sua viúva chorava muito. O cemitério ficava no outro extremo da cidade, e para sua condução um coche funerário estava preparado, mas a multidão que para ali acorrera não deixa que siga ali: o "amigo de todos" — como era conhecido — teria que ser "levado por todos". Sua sepultura fora adquirida no mesmo dia do enterro em nome da esposa Claudina. Está sepultado no Cemitério da Consolação, em São Paulo.

Nenhum comentário: