Você gosta de IMAGENS HISTÓRICAS? Experimente o Facebook @capsulahistorica, ou o blog: www.FOTONAHISTORIA.blogspot.com

MORTE DE ERNST RÖHM


NOME: Ernst Röhm (ou Roehm) (46 anos) 
QUEM FOI: Oficial alemão, co-fundador das SA (Força paramilitar Nazista). Teve papel preponderante na formação das SA como o braço armado do então crescente movimento nazista. As SA cumpriram importante papel para os nazistas no combate aos opositores políticos pelas ruas da Alemanha. Eram as SA que principalmente combatiam os comunistas, por exemplo. As SA foram se fortalecendo ao longo dos anos, tornando-se a principal força militar nazista. As SA chegaram a contar com cerca de dois milhões e meio de membros em 1934 e pretendiam ser o futuro embrião do exército nazista. Essa pretensão gerou problemas a Hitler. O próprio presidente tinha preocupações com a possibilidade das SA se tornarem um exército, submetendo o exército alemão ao seu jugo. As brigas de rua organizadas pela SA proporcionavam ainda problemas na ordem pública das cidades alemãs. No plano interno do partido nazista, as posturas de Röhm e seus seguidores poderiam ainda colocar em questão a autoridade máxima de Hitler. Por fim, Röhm era homossexual, o que contrariava as práticas aceitas pelos nazistas. Esses fatores levaram Hitler a utilizar a SS, Schutzstaffel, ou Tropa de Proteção, e a Gestapo, a polícia política, para prender e executar os líderes da SA. As ações ocorreram principalmente em Munique, na Baviera. Hitler havia se deslocado pessoalmente à cidade para dar as ordens de prisão, realizando essa ação pessoalmente com Röhm. 
NASCIMENTO: 28 de novembro de 1887 - Munique, Alemanha. 
MORTE: 2 de Julho de 1934 - Munique, Alemanha. 
CAUSA DA MORTE: Assassinado a tiros a queima roupa.  
OBS: Na madrugada de 30 de junho de 1934, foi preso pessoalmente por Hitler num hotel nos arredores de Munique e, resistindo à prisão, foi levado à força ao cárcere de Stadelhein. Em 2 de julho de 1934, em Stadelhein,seguindo ordens diretas de Hitler, Theodor Eicke (construtor do Campo de Concentração de Dachau) e um oficial da SS o visitaram em uma cela, entregando-lhe uma pistola com uma bala e 10 minutos para se matar, se não fizesse eles mesmos o executariam .Röhm se recusou,dizendo: "Se vou ser morto, deixe o Sr. Hitler fazer isso"..Eicke e o oficial se retiraram, retornando após 10 minutos.Encontraram Röhm de pé e totalmente nu .Sem entender o motivo para isso, mas obedecendo as ordens recebidas, o executaram a queima-roupa.

Nenhum comentário: