EXPERIMENTE O INSTAGRAM E FANPAGE @CAPSULAHISTORICA

MORTE DE ENEDINA ALVES MARQUES


NOME: Enedina Alves Marques (68 anos) 
QUEM FOI: Engenheira brasileira. Formou-se em Engenharia Civil (aos 32 anos) em 1945 pela UFPR, entrando para a história como a primeira mulher a se formar em engenharia no estado e a primeira engenheira negra do Brasil. Antes dela, dois negros se formaram em Engenharia na instituição – Otávio Alencar (1918) e Nelson José da Rocha (1938). Em 2006, foi fundado o Instituto de Mulheres Negras Enedina Alves Marques, em Maringá. 
NASCIMENTO: 13 de janeiro de 1913 - Curitiba, PR, Brasil. 
MORTE: 1981 - Curitiba, PR, Brasil. 
CAUSA DA MORTE: Infarto do miocárdio. 
OBS: Enedina foi encontrada morta no Edifício Lido, no Centro de Curitiba, vítima de ataque cardíaco. Morreu sem família imediata e seu corpo demorou a ser encontrado.O Diário Popular, tabloide da época, a retratou de camisola levantada, como se fosse uma mera desconhecida, o que causou a indignação de membros do Instituto de Engenharia do Paraná. Após o caso, vários artigos ressaltando seus feitos pela engenharia foram publicados pela imprensa.

Nenhum comentário: