EXPERIMENTE O INSTAGRAM E FANPAGE @CAPSULAHISTORICA

MORTE DE SERGEI EISENSTEIN


NOME: Serguei Mikhailovitch Eisenstein (50 anos) 
QUEM FOI: Cineasta soviético e um dos mais importantes cineasta da URSS. Foi também um filmólogo. Relacionado ao movimento de arte de vanguarda russa, participou ativamente da Revolução de 1917 e da consolidação do cinema como meio de expressão artística. Notabilizou-se por seus filmes mudos A Greve, O Encouraçado Potemkin e Outubro, assim como os épicos históricos Alexandre Nevski e Ivan, o Terrível. Sua obra influenciou fortemente os primeiros cineastas devido ao seu uso inovador de escritos sobre montagem. Eisenstein teve constantes atritos com o regime de Josef Stalin, devido à sua visão do Comunismo e à sua defesa da liberdade de expressão artística e da independência dos artistas em relação aos governantes, posição que era perseguida num país no qual a indústria cinematográfica sofria com a falta de recursos para se nacionalizar. Criou uma nova técnica de montagem, chamada montagem intelectual ou dialéctica. Com 26 anos fez “A Greve”, mostrando que arte e política podiam andar juntas. Com 27, deu ao mundo “O Encouraçado Potemkin”, obra que é considerada, juntamente com "Cidadão Kane", de Orson Welles, das mais importantes na história do cinema. 
NASCIMENTO: 23 de janeiro de 1898 - Riga, Letônia (Império Russo) 
MORTE: 11 de fevereiro de 1948 - Moscou, URSS. 
CAUSA DA MORTE: Ataque cardíaco. 
OBS: Encontra-se sepultado no Cemitério Novodevichy, Moscou, na Rússia.

Nenhum comentário: