EXPERIMENTE O INSTAGRAM E FANPAGE @CAPSULAHISTORICA

MORTE DE FILIPE II DA FRANÇA


NOME: Filipe (57 anos) 
QUEM FOI: Cognominado Dieudonnê (Dádiva de Deus) e depois Augusto foi rei dos Francos de 1180 até à sua morte, o sétimo da chamada dinastia dos capetianos e um dos monarcas europeus mais poderosos da idade média. Filho do rei Luís VII e de Adélia de Champagne, é um dos reis mais admirados e estudados da França medieval, não só pela extensão do seu reinado, como também pelas importantes vitórias militares, pelo aumento dos domínios directos da coroa, principalmente à custa dos reis da Inglaterra, e pelo fortalecimento da monarquia contra o poder dos senhores feudais.
NASCIMENTO: 21 de Agosto de 1165 -Gonesse, Île-de-France.
MORTE: 14 de Julho de 1223 - Mantes-la-Jolie, Île-de-France.
CAUSA DA MORTE: Febre.
OBS: Quando se encontrava em Pacy-sur-Eure, o rei decidiu assistir à reunião eclesiástica organizada em Paris para a preparação de novas cruzadas, contra os conselhos dos seus médicos. Não sobreviveu à fadiga da viagem e morreu de febre em Mantes-la-Jolie, na Île-de-France. Diz-se que sorria tranquilamente ao morrer, ao lado do filho Luís VIII de França e sua nora Branca de Castela. O seu corpo foi transportado para Paris, e o funeral foi rapidamente organizado, em Saint-Denis, na presença dos poderosos do reino. Pela primeira vez, o corpo do rei da França, vestido com toda a regalia, foi exposto para veneração do povo antes da sepultura em um rito.

Nenhum comentário: