EXPERIMENTE O INSTAGRAM E FANPAGE @CAPSULAHISTORICA

MORTE DE GARRASTAZU MÉDICI


NOME: Emílio Garrastazu Médici (79 anos) 
QUEM FOI: Militar e político brasileiro, presidente do Brasil entre 30 de outubro de 1969 e 15 de março de 1974. Terceiro presidente da República depois do golpe militar de 1964. Obteve a patente de General-de-Exército. Eleito presidente da República pelo Congresso Nacional nesse mesmo ano, governou até 1974 de forma extremamente autoritária, impondo restrições às liberdades democráticas, como a censura à imprensa e o combate rigoroso aos movimentos estudantis, sindicais e de esquerda. No seu governo houve o conhecido "milagre brasileiro", que representou uma significativa melhora na economia brasileira, com aumento do PIB (Produto Interno Bruto), estabilização da inflação em índices inferiores a 20%, aumento da produção industrial, melhora dos níveis de emprego e do mercado interno. No final do seu governo, já se fazia sentir a falência do "milagre econômico", que entrou em derrocada a partir de 1973, juntamente com a crise internacional do petróleo. A falta e o aumento do preço desse produto deu início a uma crise de energia no Brasil.
NASCIMENTO: 4 de dezembro de 1905 - Bagé, RS, Brasil.
MORTE: 9 de outubro de 1985 - Rio de Janeiro, Brasil.
CAUSA DA MORTE: Insuficiência renal aguda e respiratória devida a acidente vascular cerebral - AVC.
OBS: Foi sucedido, em 15 de março de 1974, pelo general Ernesto Geisel.


 Posse de Médici em 1969.