EXPERIMENTE O INSTAGRAM E FANPAGE @CAPSULAHISTORICA

MORTE DE CARMEM SILVA


NOME: Maria Amália Feijó (92 anos) 
QUEM FOI: Atriz brasileira. Era uma das mais idosas atrizes em atividade do país. Em 1955 entrou para a Companhia Dulcina de Moraes e elencou a peça Vivendo em Pecado, de Terence Rattigan. Em 1957, já na Companhia Maria Della Costa foi para a Europa com os espetáculos Manequim, de Henrique Pongetti; O Canto da Cotovia, de Jean Anouilh; e Rosa Tatuada, de Tennessee Williams. Em 1961, Carmen passou a integrar o Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), trabalhando em A Escada, de Jorge Andrade; Yerma, de Garcia Lorca, entre outros. Na televisão fez sua primeira aparição em 1956, em Anos de Ternura, na TV Record. Em 1970, apareceu em Pigmalião 70, na TV Globo, ao lado de Tônia Carrero e Sérgio Cardoso. Participou de outras novelas importantes da emissora como Os Ossos do Barão e Locomotivas. Mas foi em Mulheres Apaixonadas novela de Manoel Carlos (2003), que fez grande sucesso ao lado de Oswaldo Louzada.
NASCIMENTO: 5 de abril de 1916 - Pelotas, RS, Brasil.
MORTE: 21 de abril de 2008 - Porto Alegre, RS, Brasil..
CAUSA DA MORTE: Falência múltipla dos órgãos.
OBS: O corpo de Carmem foi enterrado no cemitério São Miguel e Almas, na capital gaúcha.