EXPERIMENTE O INSTAGRAM E FANPAGE @CAPSULAHISTORICA

MORTE DE ALEXANDER BOGDANOV


NOME:  Alexander Aleksandrovich Bogdanov (54 anos) 
QUEM FOI:  Filósofo, economista, médico, escritor de ficção e revolucionário bielo-russo.
Bogdanov foi um velho bolchevique, tendo se unido ao partido em 1903. Em 1909, porém, foi expulso, após divergências teóricas. Ele sustentava que o partido só poderia trabalhar através de organizações ilegais (devido à supressão dos partidos políticos durante este período). Após 1911, do ativismo político passa a escrever sobre filosofia, cultura e economia. Não volta a fazer parte do partido, porém se torna um dos líderes e organizadores do Proletkult. Em 1921 deixa definitivamente a política, dedicando-se inteiramente a ciência.
NASCIMENTO: 22 de agosto de 1873 - Bielorrússia. 
MORTE: 7 de abril de 1928 - Moscou, Rússia.
CAUSA DA MORTE: Tuberculose e malária. 
OBS: Em 1924 iniciou experiências com transfusão sanguínea, as quais realizava em si próprio. Nessa época o conhecimento a respeito de transfusões ainda era limitado, o que fez com que Alexander Bogdanov não tivesse um mínimo rigor necessário para lidar com este tipo de experimento, como por exemplo: examinar e levar em consideração a saúde do doador. Essa falta de rigor e prática ao lidar com transfusões fez com que em 1928 ele recebesse uma transfusão de sangue infectado com malária e tuberculose e que o levou a morte pouco tempo depois.