EXPERIMENTE O INSTAGRAM E FANPAGE @CAPSULAHISTORICA

MORTE DE BUDA



NOME: Siddhartha Sakya Muni Gautama (80 anos)
QUEM FOI: Popularmente dito e escrito simplesmente Buda, foi um príncipe da região nordeste da Ásia Meridional (Nepal) que tornou-se professor espiritual e fundou o Budismo.
De acordo com o budismo, durante a sua iluminação, Sidarta compreendeu as causas do sofrimento e os caminhos necessários para eliminá-lo. Estas descobertas tornaram-se conhecidas como as Quatro Nobres Verdades, que são o coração dos ensinamentos budistas. Com a realização dessas verdades, um estado de suprema liberação, ou nirvana, é acreditado ser possível ao alcance de qualquer ser. O Buda descreve o nirvana como um estado perfeito de paz mental livre de toda ignorância, inveja, orgulho, ódio e outros estados aflitivos. Nirvana é também conhecido como o fim do ciclo samsárico, em que nenhuma identidade pessoal ou limites da mente permanecem.
NASCIMENTO: 556 a.C. - Kapilavastu, hoje Rumindei, Nepal.
MORTE: 476 a.C. - Kusinara, Índia.
CAUSA DA MORTE: Possivel envenenamento.
OBS: Aos 80 anos de idade, Buda disse a seus seguidores que estava prestes a deixar para trás seu invólucro terreno. Em seguida aceitou uma refeição de carne de porco e cogumelos que lhe fora oferecida por um ferreiro. Os devotos dizem que essa última refeição não teve relação alguma com sua morte, mas o fato é que cogumelos e carne de porco eram alimentos de alto risco na Antiguidade, devido à triquinose (parasitas) na carne e às toxinas presentes nos cogumelos. Um chá de cogumelos frequentemente eram ministrados às pessoas como veneno. Alguns dizem que se tratou de eutanásia. Seja como for, Buda morreu logo depois disso e seu corpo foi cremado.